24 de jan de 2012

Dica de livro:Sorte ou Azar de Meg Cabot

Mais um sucesso da mega vendedora de livros Meg Cabot.
Uma jovem estudante de cabelos ruivos com um jeitinho engraçado de agir e pensar. Qual o problema? A protagonista da nova história de Meg Cabot não gosta de seu apelido. Jean Honeychurch, de Sorte ou Azar?, acha seu nome sem graça, porém detesta com todas as forças o seu apelido Jinx, que quer dizer, azarada. "O negócio é que minha sorte sempre foi um horror. Olha só o meu nome: Jean. Não Jean Marie, nem Jeanine, Jeanette ou mesmo Jeanne. Só Jean. Sabe que na França os garotos são chamados de Jean? É João em francês", dispara Jinx no primeiro capítulo do livro de Meg Cabot.

Na tentativa de mudar a vida, ou seja, dar um fim ao azar e confusões que causa, a garota muda-se para a casa dos tios, em Nova York. "Meu quarto? Espiei pela porta. A julgar pelo pouco que tinha visto do resto da casa enquanto subíamos a escada, eu sabia que teria uma vida de luxo durante os próximos meses". Tudo estava lindo e perfeito, até que Jinx encontra a prima Torrance (ou Tory) que "era gorducha e loura, com sorriso maroto e um senso de humor igualmente travesso".

Agora, bastante moderna, a priminha tinha "um modo supersofisticado, chique-urbano. Tinha perdido a gordura infantil e agora seu corpo era magro como um caniço. O cabelo louro também havia sumido, trocado por um preto nanquim em um corte Chanel severo". Tory estava tão mudada que Jinx desconhece certas atitudes, como por exemplo, beber cerveja ou fumar cigarros "com algo a mais". "Esses eram os pensamentos que chacoalhavam na minha cabeça enquanto eu fiquei ali sentada. Acho que dava para dizer que eu estava sofrendo um tremendo choque cultural".

Em contrapartida, Jinx e suas trapalhadas conquistam a confiança e a amizade de Zach, um rapaz conhecido pela turminha de Tory. Nada demais! Até porque Zach nem faz idéia do que Jinx sente por ele. Em contrapartida, a prima urbana de Jinx está apaixonadíssima por Zach e toda a situação piora, e, numa discussão Tory despeja: "- Bem, isso veremos, não é? Veremos o tamanho da perda de tempo que você acha que é, quando Zach acabar ficando comigo, e não com Petra, e certamente não com você. Porque, sabe de uma coisa? Não importa o quanto vocês dois fiquem juntos, falando sobre a porcaria de Seventh Heaven ou sei lá o quê, ele vai ser meu. Eu quero. Sou eu que tenho o dom, Jinx. Você pode ter herdado o cabelo ruivo, mas eu tenho a magia. Agora sei disso. Branwen queria dizer que a neta de vovó, e não as netas, teria o dom. E a neta sou eu. Porque não tenho medo de usar o dom dela, como você". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo.
Deixe o endereço do seu site/blog para eu poder retribuir sua visitinha!
E-mail do blog: sobretudoumpouco@hotmail.com.br, mandem seus looks, fotos de unhas, maquiagens, sugestões e também não aceito mais tags!